Wednesday, May 10, 2017

MATÉRIA: DCEU - Origens Secretas: Mulher-Maravilha

Ok, agora é a vez da Mulher-Maravilha, pois o filme dela está quase batendo na porta. Esta grande personagem nunca ganhou um filme em live-action digno, mas já ganhou um animado, além de versões na TV. Apesar de ser considerada como uma das personagens mais importantes da DC, ela nunca ganhou o mesmo tratamento que Superman ou Batman, mas está lá, fazendo parte da trindade da DC, junto com eles. Possui histórias muito boas, tanto solo quanto com outros personagens, e eu espero que a partir de agora, o pessoal da WB comece a valorizá-la mais. Por isso, vamos ver como ela é.

Atriz: Gal Gadot

Alguns dados sobre a personagem antes:

Criador: William Moulton Marston

Ano de criação: 1941

Primeira aparição: All Star Comics #8.

I- DESCRIÇÃO E ORIGEM:

Diana é uma guerreira amazona que vive no reino invisível de Themyscira, também conhecido como Ilha do Paraíso, onde só existem mulheres que nunca envelhecem. Ela foi moldada na areia pela rainha Hyppolita, e trazida a vida por Zeus através do sangue que Hyppolita derramou no molde de areia. Isso aconteceu a quase um milênio atrás.

Séculos depois, um piloto do exército chamado Steve Trevor acidentalmente cai com seu avião na ilha invisível; Diana, que nunca havia visto um homem antes, ficara curiosa; lutando com ele, o vence, e ele acaba sendo considerado uma não-ameaça. Assim Diana fica sendo, após ganhar um torneio, a emissária que levará Steve de volta para casa, para depois retornar à ilha; só que ela e ele acabam se apaixonando.

Para encurtar a história, Diana, após enfrentar dificuldades no mundo dos humanos e notar a forma como eles se auto-destroem, se dá conta de que não pode voltar a Themyscira sem ajudar a raça humana, e assim, ela se torna a Mulher-Maravilha, defensora dos mais necessitados.

II- PODERES:

A espada e o escudo da Mulher-Maravilha sempre existiram em versões passadas, mas eram pouco empregados. Seus poderes, além de poder voar, incluem super força, e habilidades sobre-humanas.

Seus apetrechos são o laço da verdade, que quando empregado, força a pessoa a falar, ela querendo ou não; também possui braceletes que lhe conferem proteção extra contra tiros de armas de fogo e sua tiara-bumerangue. É uma guerreira sensacional e implacável.

III- INIMIGOS E ALIADOS:

Seus maiores aliados são Steve Trevor e a Liga da Justiça. Claro, também tem muitos inimigos e inimigas; exemplos, são Ares, o deus da guerra, que teve um caso com sua mãe Hyppolita no passado; também a terrível Giganta, uma mulher-monstro fruto de uma experiência que deu errado; o Dr. Psycho e Cheetah, a mulher-pantera, talvez sejam alguns dos adversários mais comuns e mais mortais que a amazona tenha. Outro vilão de destaque na galeria da heroína é Maxwell Lord, o vira-casaca controlador de mentes.

IV- FILMES E SÉRIES:

Filme live action televisivo com Cathy Lee Crosby:

- Wonder Woman (1974).

Filmes animados:

- Wonder Woman (2009);
Superman/Batman: Apocalypse (2010).

Série em live action com Linda Carter e piloto de série cancelada com Adrianne Palicki (2011):

- Wonder Woman (1975-79);
- Wonder Woman (2011).

V- NO DCEU:

Batman V Superman: Dawn of Justice (2016);
Wonder Woman (2017);
- Justice League (2017).

VI- OBRAS RECOMENDADAS:

FILME: Wonder Woman (2011)
             (Mulher-Maravilha)

Este filme animado é o que melhor apresenta a Mulher-Maravilha para aqueles que não a conhecem. Ele narra toda a história da mitologia da personagem, desde tempos remotos, até o alvorecer da heroína. O filme é tão violento que parece até uma versão de 300 de Esparta com saias.

A história se inicia com a guerra milenar entre Ares, o deus da guerra, e Hyppolita, que vencendo Ares e decapitando seu filho Thrax, acabou aprisionando o deus da guerra com braceletes que o impedem de ser imortal; as amazonas então ganham a ilha do Paraíso, onde Hyppolita moldou Diana da areia e pediu a Zeus para dar-lhe a vida.

Após um milênio, Steve Trevor chega à ilha e Diana tem seu primeiro contato com um homem e a civilização humana. Após todos os eventos detalhados no filme, vemos ela finalmente ir atrás de Cheetah como a Mulher-Maravilha. É uma animação sensacional e a melhor coisa que já fizeram com a amazona fora das HQs até hoje, ficando aqui minha recomendação.

HQ: Wonder Woman: Challenge of the Gods (1987-88)
      (Mulher-Maravilha: Desafio dos Deuses)

Este é considerado um dos melhores arcos de história da amazona. Dividido em sete edições, e escrito e desenhado pelos ótimos George Pérez e Len Wein, eu achei legal recomendar ele porque tem muita daquela ideia da Mulher-Maravilha se questionar sobre o seu papel no mundo dos homens.

Aqui nós vemos o surgimento de Cheetah, uma inimiga recorrente da amazona, e também vemos ela e seu povo da ilha do Paraíso interagir com os deuses. Os métodos de combate da amazona também são questionados; por exemplo, há um trecho em que ela tem que deixar que examinem seu laço da verdade.

Há também um combate que considero o ponto alto da história, que é a batalha da amazona contra a Hydra. Dizer mais do que isso, é dar muito spoiler, então vou deixar que você descubra. De qualquer forma, entre boas histórias que foram escritas nos anos 80, esta figura entre as mais proeminentes e essenciais da Mulher-Maravilha, e por isso eu a recomendo.

Hora de um intervalo. Não perca a edição do mês de Julho! Próxima parada: Flash (Barry Allen).

Leia mais:
Edição anterior: Batman
ESPECIAL: DCEU - Origens Secretas

No comments:

Post a Comment